da

da

Cacerense entra com denúncia contra o Ope VG e pode escapar da queda

Foto: divulgação / União Esporte Clube - Lê também já atuou pelo União
Depois do Dom Bosco entrar com uma denúncia contra o União, agora é a vez do Cacerense acionar o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-MT). Rebaixado no campo, o time de Cáceres alega irregularidade na escalação do volante Lê, do Operário VG, na primeira rodada do Campeonato Mato-Grossense. O atleta teria que cumprir suspensão automática pela expulsão na final do estadual 2016, quando atuava pelo Sinop. 

Lê deveria ter ficado de fora do duelo contra o Mixto, no dia 29 de janeiro, na vitória do Tricolor por 3 a 2. Apesar de não ter entrado em campo, Lê estava no banco de reservas e na relação de jogadores aptos para entrar em campo, conforme a súmula, o que configura a irregularidade.
A procuradoria do TJD-MT ainda não confirmou se vai aceitar ou não a denúncia, mas caso vá à julgamento o Operário VG pode perder seis pontos que o colocaria em último lugar do Grupo A do Mato-Grossense. Sendo assim, o Cacerense não seria o rebaixado da chave. O Tricolor perderia três pontos pela vitória e mais três pela irregularidade. 
O Operário VG fechou a primeira fase com sete pontos, em quarto lugar. O Cacerense foi o último colocado com apenas três pontos. 
- É uma situação ruim, mas infelizmente tivemos que entrar com esse recurso. Em 2014, já pagamos por esse erro em que o União entrou com uma denúncia contra o Cacerense. É um direito que nós temos, estamos dentro do prazo e agora é aguardar o julgamento - disse Raimundo Elias, diretor de futebol do Cacerense. 
Em contato com a reportagem, o presidente do Operário VG afirmou que já está ciente da denúncia e que vai acatar o que for decidido pelo tribunal. 
- Vamos apresentar nossa defesa, o atleta não entrou em campo, então vamos ver o que corpo jurídico vai falar. Se for para cair, não tem problema. Vamos disputar a segunda divisão sem problemas - disse César Gaúcho, presidente do Tricolor. 
Fonte: SportSinop/Valcir Pereira e Por Cuiabá, MT
Foto: Redação/SportSinop
Tecnologia do Blogger.