da

da

Sem Passo das Emas, Arena Pantanal pode ser a casa do Luverdense

                                                                       Foto Foto: Olímpio Vasconcelos - Passo das Emas
O Luverdense convive com um impasse sobre as condições do estádio Passo das Emas para receber jogos da Série B do Campeonato Brasileiro. O clube manda os seus jogos no estádio, porém, as arquibancadas provisórias atrás dos gols não têm os laudos atualizados do Corpo de Bombeiros. 

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que organiza a Série B, é rigorosa quanto a utilização dessas arquibancadas e também exige uma capacidade mínima de público nos estádios. O secretário de esportes de Lucas do Rio Verde ressaltou os esforços para deixar o Passo das Emas em condições de sediar os jogos do Verdão do Norte.
- Estivemos em reunião com os comandantes do Corpo de Bombeiros e eles vão fazer um estudo detalhado e bem elaborado sobre o que precisamos fazer para realizarmos as adequações no estádio Passo das Emas. Nós vamos lutar pelo Luverdense. Vamos atrás de tudo que for preciso, mas que estiver dentro do nosso alcance, para o time jogar na nossa cidade – afirmou Marcelo Dal'Berto, secretário de esportes.
Por ter a capacidade reduzida liberada do estádio Passo das Emas - aproximadamente 5 mil torcedores -, o Luverdense mandou o jogo contra o Corinthians na noite desta quinta-feira, pela terceira fase da Copa do Brasil, na Arena Pantanal. 
- Nós jamais vamos colocar algum empecilho para o Luverdense jogar no Passo das Emas. O nosso trabalho vai ser para deixar o estádio em condições para receber jogos do Brasileiro - completou Marcelo.
Corinthians Luverdense (Foto: Chico Ferreira/Futura Press)O Corinthians venceu o Luverdense por 2 a 0 pela Copa do Brasil, na Arena Pantanal (Foto: Chico Ferreira/Futura Press)

A CBF não permite a instalação de arquibancadas provisórias nos estádios, exceto quando projetadas e executadas em rigoroso atendimento aos padrões técnicos e de segurança exigidos pela legislação e normas de engenharia. Com essas arquibancadas, o estádio Passo das Emas tem capacidade aumentada para 10 mil torcedores. O recorde de público foi exatamente contra o Corinthians em 2013, quando pouco mais de 9 mil pessoas estiverem no estádio.
A Série B do Brasileiro começa no dia 13 de maio, mas o time mato-grossense estreia em casa dia 20 de maio, diante do CRB-AL. O presidente do Verdão do Norte, Helmute Lawisch, não escondeu a insatisfação em não poder atuar em casa. 
- Nós somos de Lucas do Rio Verde, mas hoje o estádio Passo das Emas não tem condições de receber jogos da Série B. Não é o Luverdense que está pedindo, é a CBF que exige as adequações para os estádios.
Para utilizar o estádio Passo das Emas, as arquibancadas provisórias precisam estar prontas para inspeção 30 dias antes da partida como mandante, ou seja, no dia 20 de abril. Esse é o prazo para o município de Lucas do Rio Verde realizar as adequações necessárias. Existem algumas outras demandas, como iluminação, catracas eletrônicas e vestiários que precisam ser melhoradas ou implantadas. 
- Esse jogo contra o Corinthians ajudou até para isso, todos viram que o Luverdense está em competições importantes no cenário nacional e as autoridades estadual e municipal precisam atender as demandas. Não adianta falar que estão fazendo, o que precisamos é de documento. Mas vamos deixá-los trabalhar. Cada um faz a sua parte e teremos um futebol cada vez mais forte – declarou Helmute Lawisch.
Fonte: SportSinop/Valcir Pereira e Por Cuiabá, MT

Fotos: Redação/SportSinop

Tecnologia do Blogger.