da

da

Muitos gols e público no interior: veja números da 1ª fase do Mato-grossense

Foto: Divulgação - Campeonato Mato-Grossense 2017

A primeira fase do Campeonato Mato-Grossense chegou ao fim com 40 jogos disputados, 118 gols marcados, e mais de 25 mil torcedores pagantes nos estádios de Mato Grosso. A média de gols é de aproximadamente três gols por partida e o maior goleador por enquanto é o Andrezinho do Sinop, com cinco gols marcados.

Invictos
Cuiabá, Luverdense e Sinop disputaram oito jogos e ainda não foram derrotados no Mato-Grossense. No Grupo A, o Sinop ficou na liderança e o Luverdense em segundo, ambos com 18 pontos. Porém, o Galo do Norte terminou na frente por ter dois gols a mais de saldo. Já no Grupo B, ampla vantagem para o Cuiabá. A equipe da capital tem o melhor ataque e a melhor defesa da competição com 22 gols marcados e apenas quatro sofridos. O Dourado se classificou em primeiro com 22 pontos, e tendo aproveitamento de 83,3% dos pontos disputados. 
Bola na rede
A primeira fase do Mato-Grossense terminou com 118 gols marcados, tendo uma média de 2,95 gol por partida. O Dourado foi a equipe que mais balançou a rede, foram 22. Sinop e Luverdense vem logo atrás com 16 gols marcados, um a mais que o Dom Bosco, o quarto melhor ataque da competição na primeira fase.
Andrezinho, atacante do Sinop (Foto: Júlio Tábile/SinopFC)Andrezinho, atacante do Sinop (Foto: Júlio Tábile/SinopFC)
O atacante Andrezinho do Sinop é o artilheiro do estadual com cinco gols. O Mixto não fez boa campanha, mas o atacante Pedro Augusto foi o destaque com quatro gols, e ao lado de Macena do Luverdense e Ricardo do União são os vice-artilheiros.
Lista de artilheiros com 3 gols:
Kaíque - Cacerense
Juba - Cuiabá
Cleberson - Cuiabá
Léo Salino - Cuiabá
Robinho - Cuiabá
Thiago Vinícius - Dom Bosco
Paulinho Mingau - Dom Bosco
Marcos Aurélio - Luverdense

Jogo sujo
O Cacerense foi a equipe que mais recebeu cartão amarelo, 23 no total. Na sequência vem o Galo do Norte com 22 e o Mixto fecha o pódio negativo com 20 cartões amarelos recebidos.
4º Operário Ltda - 17 amarelos 
5º Dom Bosco - 15 amarelos
5º Operário VG - 15 amarelos 
7º Luverdense - 14 amarelos
8º Cuiabá - 12 amarelos
8ª União - 12 amarelos
8º Araguaia - 12 amarelos

Público no estádio
Em 40 jogos disputados apenas um não teve publico pagante. O jogo entre Operário Ltda e Araguaia válido pela 10ª rodada foi de portões fechados. Ao todo foram 25.620 torcedores pagantes, uma média de 640,5 torcedores por jogo nessa primeira fase do Mato-Grossense. 
O jogo que teve maior público foi na primeira rodada na reedição da final do Mato-Grossense do ano passado entre Sinop e Luverdense no estádio Gigante do Norte, quando 2.490 pagantes acompanharam o Clássico do Nortão. 
Sinop, torcida (Foto: Valcir Pereira/Site SportSinop.com)Sinop, torcida (Foto: Valcir Pereira/Site SportSinop.com)

1º Sinop 1 x 1 Luverdense - 1ª Rodada
Público: 2.490 pagantes 
Renda: R$ 36.030,00

2º União 0 x 3 Cuiabá - 2ª Rodada
Público: 1.772 pagantes
Renda: R$ 20.630,00

3º Operário VG 3 X 2 Mixto - 1ª Rodada 
Público: 1.746 pagantes  
Renda: R$ 24.190,00 

O jogo Cuiabá e União pela 9ª rodada teve o pior público até aqui, apenas 62 pagantes foram na Arena Pantanal acompanhar o duelo entre o líder e o vice do Grupo B.
40º Cuiabá 1 x 1 União - 9ª Rodada
Público: 62 pagantes 
Renda: R$ 850,00.

Fonte: SportSinop/Valcir Pereira e Por Cuiabá, MT e Estagiário, sob supervisão de Olímpio Vasconcelos

Fotos: Redação/SportSinop

Tecnologia do Blogger.