da

da

Goleiro do Operário é preso no intervalo de jogo em Cuiabá e CEOV perde para o Luverdense: 02 à 01

Foto: Folhamax.com - Goleiro Perereca do CEOV

O goleiro do Clube Esportivo Operário de Várzea Grande, Heverton Perereca, foi preso na noite desta quinta-feira no intervalo da partida contra o Luverdense. O jogo era realizado na Arena Pantanal, em Cuiabá.


Informações dão conta que a detenção de Perereca ocorreu pelo atrasado no pagamento da pensão alimentícia de um dos seus filhos. Ele é pai de um menino e uma menina.
O oficial de Justiça, respaldado por policiais militares, anunciou a prisão no intervalo da partida dentro do vestiário. Com a notícia, o técnico tricolor Estevam Coutinho acabou sendo obrigado a colocar o goleiro reserva em campo.
Perereca foi encaminhado ao Instituto Médico Legal para fazer exame de corpo delito. Em seguida, ele deve ser encaminhado ao Centro de Custódia de Cuiabá, já que possui curso superior na área de Educação Física.
O valor da pensão devida pelo goleiro é de cerca de R$ 27 mil. Ele havia encerrado a carreira no ano passado e, aos 39 anos, decidiu retornar aos gramados.
Além da prisão de Perereca, os operarianos tiveram outra decepção. A equipe de Várzea Grande perdeu para o Luverdense por 2 a 1.

Fonte: SportSinop/Valcir Pereira e Folhamax.com.br

Fotos: Redação/SportSinop

Tecnologia do Blogger.