da

da

Luverdense vence Mixto na Arena e consegue boa vantagem: 03 à 01

Foto: Olhar Esportivo -Thiago Mattos/ Lance do Jogo entre Mixto E.C. e Luverdense E.C.

Equipe de Odil, construí o placar no primeiro tempo, e vence o Mixto fora de casa.

Na abertura da 2ª Fase do Campeonato Mato-grossense Martinello 2018, Mixto e Luverdense se enfrentaram na Arena Pantanal que teve o retorno de público nas arquibancadas, e presencia a vitória do Luverdense por 3x1 fora de casa.

 O primeiro tempo, teve um domínio do LEC que conseguia trocar passes e logo aos 10 minutos, Pimentinha entrou na zaga alvinegra dominando a bola pela direita e faz o primeiro gol da noite. Com facilidade em manter a posse de bola e entrar na defesa mixtense, aos 23 e 26 minutos, Luverdense amplia em lances dentro da área, primeiro com Pablo faz de cabeça após escanteio e quase na sequência, Paulinho faz 3x0 em um chute forte e rasteiro, sem chances para o goleiro Vinicius Aguiar.
Com o placar adverso, Mixto só consegue uma oportunidade na cobrança de falta aos 35 minutos em chute de Mateus na gaveta, e que Diogo Silva busca a bola e evita o gol.
No segundo tempo, Mixto troca de uniforme e volta com uma postura mais ofensiva e aos 3 minutos, Lolo desconta em lance pela lateral esquerda, e faz para o Tigre. Com o esboço de reação alvinegra, a equipe de Odil volta a pressionar mas se restringe aos contra-ataque e aos 20 do segundo tempo, Ariel em chute cruzado acerta o travessão, a bola quica na linha e o goleiro mixtense tira a bola que quase entra.
Aos 30 minutos, em contra-ataque do time de Lucas, Ariel tem a camisa puxada pela defesa mixtense dentro da grande área, e sofre o pênalti. Na batida, Rafael Silva chuta no canto e goleiro Vinicius Aguiar defende.
O Luverdense abre boa vantagem, e agora pode perder por até por 1 gol de diferença, que avançar para as semifinais do estadual, e por 2 gols a disputa vai para a cobrança de pênalti.
Escalações
Mixto: 1 Vinicius Aguiar; 2 Wesley, 3 Matheus Ernandes (14 Guilherme) , 4 João Márcio e 5 Leiker (16 Bogé); 6 Cleuber, 7 Dodô (19 Pelezinho) , 8 Felipe Delgado e 9 Lolo; 10 Mateus e 11 Bicudo. Técnico Odilon Silva
Luverdense: 1 Diogo Silva; 2 Gabriel Passos, 3 Pablo 4 Willian e 6 Paulinho; 5 Sodré, 8 Lorran (15 Pierrini) , 10 Renan Oliveira (16 Elton) ; 7 Ariel, 9 Rafael Silva e 11 Pimentinha (18 Lucas Braga). Técnico Odil Soares.
Público: 478 pagantes
Renda: R$ 6.780,00.

Fonte: SportSinop/Valcir Pereira e Olhar Esportivo /Peterson Campos

Fotos: Redação/SportSinop

Tecnologia do Blogger.