Câmara Municipal

Câmara Municipal

CRB e Luverdense ficam no empate sem gols em Alagoas: 00 à 00

Foto: Gazetaesportiva.com - LEC conquistou bom resultado fora de casa

CRB protagonizaram um jogo de poucas emoções na tarde deste sábado, e acabaram empatando por 0 a 0 no Estádio Rei Pelé. Após a partida, válida pela 12ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, os mandantes foram a 15 pontos e pularam para a 11ª colocação na tabela. Já os mato-grossenses foram a 12 unidades e ficaram com o 15º posto.

A posição dos alagoanos, no entanto, é provisória, uma vez que o Oeste ainda enfrenta o Bahia neste sábado e pode chegar a 16 pontos em caso de vitória.
O próximo compromisso do CRB na Série B está marcado para a próxima sexta-feira, quando a equipe vai ao Barradão visitar o Vitória. O Luverdense, por sua vez, volta a campo no mesmo dia, mas no Passo das Emas, onde recebe o Bragantino em busca da reação na competição.
O jogo - O primeiro tempo foi marcado por muitos erros, faltas e cruzamentos na área. Aos 11 minutos, Wellington Saci teve boa chance de finalizar de dentro da área do Luverdense, mas acabou furando. Os visitantes responderam em seguida com Diego Rosa, que recebeu de Rafael Tavares e bateu, mas não pegou bem na bola e deixou fácil para a defesa de Júlio César.
Aos 34 minutos, Wellington Saci perdeu nova boa chance, após fazer boa jogada e invadir a área visitante, mas isolar a bola. Já os visitantes por pouco não tomaram a frente no placar pouco antes do intervalo. Aos 45, Rafael Tavares recebeu na entrada da área e bateu com categoria, mas a bola passou raspando a trave e não entrou.
O CRB voltou dos vestiários com Clebinho no lugar de Wellington Saci, e por pouco não abriu o placar logo aos dois minutos, quando o meia que substituiu Saci deu bom passe para Danilo Bueno dentro da área adversária, mas o goleiro Edson apareceu bem para salvar o Luverdense. Aos oito, Clebinho apareceu para cabecear e parou no arqueiro mato-grossense, que deu rebote e fez milagre com os pés no segundo chute para impedir o gol.
Depois, Cañete entrou no time do Galo no lugar de Glaydson Almeida. O argentino apareceu bem no jogo fazendo cruzamentos na área adversária e tentando passes, mas os mandantes esbarravam na marcação mato-grossense. Ele também foi responsável pela última boa chance da partida, quando recebeu na intermediária, limpou a marcação e bateu forte de longe, mas errou por pouco o alvo e não mexeu no placar.
Fonte: SportSinop/Valcir Pereira e GazetaEsportiva

Fotos: Redação/SportSinop
Tecnologia do Blogger.