Cuiabá E.C.: Josué fala em buscar o G4 e se diz surpreso com má campanha

Foto:  Craques do Rádio - Josué Teixeira, novo treinador do Dourado
O técnico Josué Teixeira se disse surpreso com a má campanha no Dourado. Sua avaliação, com elogios ao elenco, tem como base os jogos da Copa Verde, conquistada pelo time mato-grossense. Contratado nesta quarta-feira, Teixeira chega domingo e acompanha o jogo contra o Águia Marabá, assumindo o comando no dia seguinte.


O treinador foi indicado ao Dourado por Sérgio Papelin, ex-diretor de futebol do Luverdense, e, por telefone, falou na manhã desta quinta-feira sobre sua vinda para Mato Grosso. Mostrou certo conhecimento sobre o elenco cuiabanista:
– Vi os jogos do time na Copa Verde, especialmente as finais contra o Remo. Vejo que tem um bom grupo, com bons jogadores. Até estranho este momento ruim, pois o próprio técnico (Fernando Marchiori, demitido esta semana) mostrou um bom trabalho, um time bem armado – comentou, citando inclusive que “tem dois bons zagueiros, o volante Bogé que dá segurança no meio, um bom meia, enfim, uma boa equipe, com todas as condições para reagir”.
Sobre possíveis mudanças no elenco, Josué disse que não dá para falar em dispensas ou contratações ainda. “Até porque, não gosto de demitir ninguém, não sou muito de mexer em elenco ou equipe de trabalho. É claro que vou observar o desempenho de todos, mas gosto e vou tirar o máximo de cada um. Sempre digo que não desisto de jogador, é o jogador que desiste de mim”, acrescentou.
A mesma linha de raciocínio, segundo ele, vale para a comissão técnica. “Estou indo sozinho, para trabalhar com a equipe que o clube está me oferecendo e acredito que faremos um bom trabalho”. O treinador também mostrou conhecimento sobre o clube, definindo o Cuiabá como “uma equipe muito bem estruturada, organizada, cumpridora de seus compromissos, da qual tenho ótimas informações”.
Sobre os objetivos à frente do tricampeão mato-grossense, Teixeira frisou que “primeiro temos que nos recuperar, fugir da zona de perigo; depois vamos buscar o G4 e chegar até a segunda fase. A partir daí é um outro campeonato, na base do mata-mata. Se manter na Série C é nossa obrigação, mas é claro que sempre buscamos algo mais e vamos trabalhar pra isso, temos sempre que colocar como meta principal, em qualquer competição, a disputa do título e é assim que estamos pensando”.
Contra o Águia, às 16h de domingo na Arena Pantanal, o Cuiabá será comandado por Hugo Alcântara, atual gerente de futebol. “Vou só assistir, sem interferir em nada”, garantiu Josué Teixeira.
Fonte: SportSinop/Valcir Pereira e Craques do Rádio


Fotos: Redação/SportSinop.
Tecnologia do Blogger.