Com goleiro ‘infeliz’, Luverdense perde para o Santa Cruz, em Recife: 02 à 00

Foto: Reprodução Premiere FC - Lance do Jogo entre Santa Cruz e Luverdense

Com ‘ajudinhas’ do goleiro Edson, que falhou principalmente no primeiro gol, o Luverdense foi derrotado neste sábado em Recife: 2×0 para o Santa Cruz. Resultado que mantém o LEC com 32 pontos ganhos, ainda em 11º na Série B 2015. O Santa Cruz subiu para o 7º lugar com 38 pontos.

Foto: Reprodução Premiere FC - Primeiro gol do Santa Cruz, com ‘ajudinha’ do goleiro luverdense.
O jogo começou com velocidade e ‘aberto’, com os dois times procurando o ataque, mas com muitos erros de passe e de finalização. E na primeira chance real de gol a bola entrou, com a ajuda do goleiro Edson, do Luverdense: falta cobrada pela esquerda, o zagueiro Alemão subiu no meio da zaga e desviou de cabeça, no canto baixo, mas fraca, Edson caiu e tocou na bola, acabando de empurrar pra dentro do gol – eram 29 minutos da primeira etapa, 1×0 para o Santa.
O Verdão só respondeu aos 39 e ainda assim sem conseguir finalizar. Carlos Henrique, que substituiu Tozin, escorou de cabeça para o meio da pequena área, mas Alípio não alcançou e a bola passou na frente do goleiro pernambucano, indo pra fora.
No comecinho do segundo tempo o experiente centroavante Grafite recebeu da esquerda em impedimento, mas nada foi marcado e ele bateu de primeira, por cima do gol, desperdiçando uma chance incrível.
O jogo seguia ‘amarrado’, repetindo os muitos erros do primeiro tempo. Mas, novamente de bola parada, o Santinha ampliou: o meio-campista Daniel Costa cobrou falta de longe, a meia-altura, Edson deu mole outra vez, pulou atrasado e a bola entrou no canto esquerdo – 2×0.
A partir daí o jogo foi outro. Com o segundo gol o time da casa tomou conta e chegou mais três vezes com perigo. Na segunda delas Grafite driblou o goleiro e tocou pro gol, mas o zagueiro Everton salvou mandando pra escanteio. Na cobrança o zagueiro Néris cabeceou no canto e o goleiro Edson fez grande defesa.
O domínio continuava e aos 30 Edson fez mais outra grande defesa – se redimindo pelo menos em partes – quando Daniel Costa apareceu por traz da zaga, depois de cruzamento rasteiro da direita. Mais uma vez, quase o terceiro.
Aos 34 minutos o atacante Grafite, que já tinha amarelo, foi expulso por reclamação.
Aos 84 Bruninho foi lançado por trás dos zagueiros e tocou na saída de Edson, mas pra fora. Na cobrança do tiro de meta o goleiro saiu jogando errado , Bruninho tentou de novo e desta vez o goleiro defendeu.
Público pagante foi de 7.832 pagantes.
Na terça-feira, pela 26ª rodada, o Luverdense volta ao Passo das Emas recebendo o Paraná. O Santa Cruz joga em Minas Gerais contra o Boa.

Fonte: SportSinop/Valcir Pereira               e Craques do Rádio
Fotos: Redação/SportSinop
Tecnologia do Blogger.