Marchiori descarta poupar atletas em Goiânia e relembra virada histórica

Foto: Pedro Lima/ Cuiabá Esporte Clube - Cuiabá, treinos

Com partidas decisivas pela Copa Verde e Mato-Grossense nesta semana e em má fase, o Cuiabá optou por não priorizar nenhuma competição. O treinador Fernando Marchiori promete levar o que tem de melhor para Goiânia, onde enfrenta a Aparecidense, quarta-feira, pelo jogo da volta das quartas de final da Copa Verde. Ainda com desfalques de quatro jogadores, além de ter alguns jogadores em baixa, Marchiori confia na vaga. O time perdeu de 3 a 1 na Arena Pantanal e precisa vencer o time goiano por três gols de diferença para avançar. 

- Não temos como poupar ninguém, até porque estamos com bastante atletas no departamento médico e não temos o luxo de querer poupar alguém não. Temos que ir com quem estiver disponível para que a gente possa tentar reverter a desvantagem. Não se tem prioridade. Sabemos que a Copa Verde se torna mais difícil. Hoje o que a gente está mais vivo, e sabemos também que é fundamental é o Campeonato Mato-Grossense, hoje temos claro isso, agora, prioridade disso daquilo não. Estamos indo jogo a jogo - disse Marchiori à TV Centro América. 
Meia Geovani, Cuiabá (Foto: Pedro Lima/Cuiabá Esporte Clube)Meia Geovani, Cuiabá (Foto: Pedro Lima/Cuiabá Esporte Clube)
Para buscar uma motivação extra, o comandante relembrou a virada histórica na final da Copa Verde 2015, quando perdeu de 4 a 1 para o Remo, em Belém, mas conseguiu o que parecia improvável para levantar a taça inédita: venceu por 5 a 1. 
- Já conseguimos e sabemos que no futebol tudo é possível. Estamos confiantes na vitória, pois temos condições para isso. Sabemos da dificuldade que é a Copa Verde, reverter um placar fora de casa nesse sentido, vamos lutar até o fim, mas no estadual a gente tem que reverter, e tem que ser no próximo jogo. 
Para o duelo em Goiânia, o Cuiabá segue sem os volantes Bogé e Fabricio e os meias Geovani e Eusébio, todos machucados. Em compensação, a equipe tem os retornos dos atacantes Uederson e Julio Alves e do meia-atacante Maikinho, que cumpriram suspensão na derrota para o Sinop, domingo, pelo Mato-Grossense. 
A delegação embarca nesta terça-feira para Goiânia. Aparecidense e Cuiabá jogam nesta quarta-feira, às 19h30 (de MT), no estádio Hailé Pinheiro. 
Fonte: SportSinop/Valcir Pereira e Por Cuiabá, MT

Fotos: Redação/SportSinop

Tecnologia do Blogger.