Amazônia Seguros

Vila Nova vence Luverdense, se recupera da má fase e deixa a zona de rebaixamento: 02 à 00

Foto: Globoesporte.com - Lance de Luverdense e Vila Nova(GO)

Como ganhar um jogo em 14 minutos? O Vila Nova tem a resposta nesta terça-feira. Mesmo em crise, vindo de cinco jogos sem vitória e com treinador interino, o Tigrão foi a Lucas do Rio Verde e bateu o Luverdense por 2 a 0, pela sétima rodada da Série B. Três lances antes dos 15 minutos definiram o triunfo, que tirou o time goiano da zona de rebaixamento. Aos 5 minutos, Vandinho abriu o placar. No lance seguinte, o Verdão do Norte ficou com um homem a menos após justa expulsão de Muralha. E, aos 14, o Vila ampliou para 2 a 0, com gol de Jean Carlos. Depois disso, o time mato-grossense tentou a pressão, chegou a acertar a trave, teve gol anulado, mas o placar e a história do jogo praticamente pararam ali: nos 14 minutos de jogo.


Com a vitória que não vinha há cinco rodadas, o Vila Nova deu um salto na tabela de classificação. O time deixou a zona de rebaixamento e agora é o 14º colocaro, com 7 pontos. O Verdão do Norte caiu para o 13º lugar, com 9 pontos.

O Luverdense recebe o Ceará no sábado, às 21h30, no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde. O Vila Nova também joga no sábado, contra o Londrina, no estádio do Café, em Londrina, às 16h.

Vandinho mostrou oportunismo e marcou seu segundo gol na Série B. Ele aproveitou rebote de Gabriel Leite e abriu o placar: Vila Nova 1 a 0. Com a expulsão de Muralha, os visitantes cresceram ainda mais e chegaram ao segundo gol com Jean Carlos aos 14 minutos: Vila Nova 2 a 0. A partir daí, o Luverdense, mesmo com um jogador a menos, partiu para cima. Começou então a aparecer a figura do experiente goleiro Wagner Bueno, de 35 anos.
Ele é o substituto de Edson, sacado após atuações inseguras. Wagner Bueno garantiu o placar na etapa inicial ao defender cabeçadas de Luiz Otávio e Paulinho. Também contou com a sorte em lance em que a bola do Luverdense só parou na trave.

No segundo tempo, o Tigrão vacilou menos e criou as melhores oportunidades. Uma delas foi com o meia Pedro Carmona aos sete minutos. Ele chutou para a defesa de Gabriel Leite. Jean Carlos também aparecia bem articulando as jogadas e ataque e finalizando com firmeza.

O Luverdense teve grande chance para incendiar a partida aos 24 minutos. O zagueiro Everton fez bela jogada individual, costurou a defesa adversária e chutou forte. Wagner Bueno fez outra boa defesa. O goleiro do Vila Nova garantiu o placar de 2 a 0 ao defender uma pancada de Hugo e se consagrar como um dos melhores em campo. Vandinho ainda teve chance para ampliar, mas parou no goleiro.

Fonte: SportSinop/Valcir Perreira e Globesporte.com

Foto: Vacir Pereira

Tecnologia do Blogger.