Luverdense não descarta saída de Osman, mas critica projetos de clubes

Foto:  Guilherme Frossard - Meia Osman, do América-MG

O presidente do Luverdense criticou os chamados "projetos" para a saída do meia Osman do time. O atleta tem contrato com a equipe mato-grossense até o final de 2017 e acabou de retornar de empréstimo do América-MG que manifestou interesse em sua permanência. O Bahia também elogiou o atleta e sondou sua contratação. A ideia do Verdão do Norte é mantê-lo na próxima temporada em que o time vai disputar o Mato-Grossense, Copa Verde, Copa do Brasil e Série B do Brasileiro. Ele, porém, não descartou a saída do atleta. 

- O Osman tem muita qualidade e já conversamos para que ele fique conosco e cumpra o contrato. Os clubes chegam com projetos, de visibilidade na Série A e etc, mas compensação financeira para o Luverdense ninguém propôs nada. Não vamos liberar nenhum atleta sem um retorno. Aqui ele tem tudo para continuar desenvolvendo sua carreira e conta com nossa confiança - disse Lawisch. 
Osman foi revelado pelo Santos e deixou o clube em 2011, com 18 anos, e rodou por Oeste, Comercial, Sertãozinho, Juventus até chegar no Luverdense em 2015. As boas atuações e os cinco gols marcados na Série B chamaram a atenção de clubes da Série A, entre eles o América-MG. Na negociação, ele renovou com o Verdão do Norte até o final de 2017 e acabou emprestado. A diretoria do time da cidade de Lucas do Rio Verde não fala em valores da multa rescisória. 
Osman, Luverdense (Foto: Assessoria/Luverdense Esporte Clube)Osman com a camisa do Luverdense (Foto: Assessoria/Luverdense Esporte Clube)
Fonte: SportSinop/Valcir Pereira e Por Cuiabá, MT



Fotos: Redação/SportSinop
Tecnologia do Blogger.