Asfalto Novo

Empate em casa tira as chances do Cuiabá subir para a Série B: 01 à 01

Foto: 24 Horasnews - Lance de Cuiabá e CSA

Cuiabá, se despediu da disputa da Série C na 6ª posição, com 23 pontos.


Em jogo marcado por muita disputa física, o Cuiabá empatou em casa com o CSA na noite deste sábado, por 1 a 1, na Arena Pantanal, em duelo válido pela 18ª e última rodada da primeira fase, da Série C do Campeonato Brasileiro.

Com o empate no Mato Grosso, o CSA viu o Sampaio Corrêa assumir a primeira posição, com os mesmos 32 pontos, porém, com vantagem nos critérios de desempate por ter maior número de vitórias (9 contra 8). Já o Cuiabá, se despediu da disputa na 6ª posição, com 23 pontos.
Mesmo que vencesse, o Cuiabá não conseguiria alcançar a vaga no G4, com o resultado, o time segue na Série C em 2018.
EQUILÍBRIO
O primeiro tempo foi de muito equilíbrio, com ambos os times disputado - e muito - cada jogada. Porém, faltou capricho na hora da criação e, principalmente, na finalização das jogadas, o que resultou na falta de gols. Contudo, o Cuiabá começou no ataque e com menos de um minuto já testou o goleiro Cajuru, do CSA - Daniel Amorim completou de cabeça para o gol.
SUSTOAs muitas faltas da etapa inicial foram determinantes também para que a bola não rolasse tão bem. Em uma delas, Elias cometeu falta no zagueiro Rodrigo Lobão, que precisou ser substituído e receber atendimento médico - ele deixou o gramado de ambulância. Thales entrou em seu lugar. Entretanto, a partida ficou paralisada por 40 minutos, até que a ambulância voltasse. Após a paralisação, a partida perdeu em intensidade.
PEGOU FOGO!
Se no primeiro tempo o destaque ficou por causa de uma contusão, no segundo teve muita bola rolando e bola na rede. Aos 6 minutos, o time da casa ficou com um a menos, quando William Simões recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Porém, o Dourado não sentiu a falta e abriu o placar seis minutos depois.
Gedeilson conseguiu cruzar e deu sorte, pois, a bola bateu em Thales. No desvio, ela enganou o goleiro Cajuru e foi morrer no fundo da rede do CSA, 1 a 0. A resposta do Azulão foi dada aos 20 minutos, quando Maxuell subiu mais que todo mundo e completou de cabeça belo cruzamento de Daniel Costa.
PRESSIONOU
Ciente de que precisava de uma vitória para manter a primeira posição no grupo, o CSA foi pra cima e chegou a ter chances para virar, mas não foi preciso nos arremates. Aos 35, Daniel Costa recebeu livre dentro da área e bateu para fora. Aos 44, o meia teve outra oportunidade e dessa vez acertou o gol, porém, Henal fez um milagre, evitando o segundo gol do Azulão.
Fonte: SportSinop/Valcir Pereira e 24 Horasnews

Fotos: Redação/SportSinop

Tecnologia do Blogger.