Ação contrata ex-atacante do São Paulo como técnico para 2ª Divisão do Mato-grossense

Foto: Assessoria - Presidente do Ação João Benedito, técnico Mário Tilico e o agente Caio Palma

Mário Tilico foi campeão paulista e brasileiro pelo Tricolor


O Ação contratou o ex-atacante do São Paulo, o técnico Mário Tilico, para o projeto de retornar à Primeira Divisão do Campeonato Mato-grossense. Após a queda no ano passado, o Tuiuiú Pantaneiro vai disputar a Segundona na temporada 2023.

“Agradeço ao presidente pela confiança em nosso trabalho e teremos um tempo para poder preparar a equipe, para que juntos possamos realizar um grande campeonato, com o objetivo de recolocar o Ação na elite do futebol mato-grossense” – disse o técnico Mário Tilico.

Foto: Assessoria - Presidente do Ação João Benedito ao lado do técnico Mário Tilico 

O último clube do treinador foi o Comercial-MS, em 2020. Ele terá sua primeira oportunidade de trabalhar no estado do Mato Grosso.

Histórico do ex-jogador como técnico

Após se aposentar como jogador, Mário Tilico trabalhou como auxiliar-técnico de Flávio Campos por 15 de Novembro-RS, Bento Gonçalves-RS, Sampaio Corrêa-MA e Juventude-RS. Seu primeiro clube como treinador foi fora do Brasil, em 2004, no Al-Ahli. No Brasil, dirigiu o Remo-PA, Ulbra-RS, River-PI, Marinho-RJ, Comercial-MS e Costa Rica-MS.

Histórico como atleta

Mário Tilico foi formado nas categorias de base do Vasco da Gama-RJ, juntamente com Romário. Já como profissional, ganhou destaque no futebol brasileiro e mundial, sendo campeão carioca e bicampeão da Taça Guanabara com a equipe de São Januário. Foi emprestado ao CSA-AL, jogou no Náutico-PE, e em seguida negociado com o São Paulo, campeão paulista em 1989 e campeão brasileiro de 1991.

Ainda foi emprestado ao Cruzeiro-MG, onde foi o herói do título da Supercopa da Libertadores, depois de marcar dois gols na vitória por 3 a 0 diante do River Plate, da Argentina.

Após passagem pelo Cruzeiro, Mário Tilico brilhou na Espanha, onde jogou pelo Cadiz, Marbella, até chegar ao Atlético de Madrid. Voltou ao Brasil para jogar no Fluminense-RJ e novamente no Cruzeiro, respectivamente.

Outra vez saiu do país, mas para jogar em Portugal, onde atuou pelo Braga e pelo União Leiria, sendo campeão português da Série B. No México, jogou pelo León, também na Arábia Saudita, no Al-Ittihad, e voltou ao Brasil pela última vez para jogar no Juventude-RS, onde foi campeão da Copa do Brasil de 1999.

Com Futebol Interior*

 






















































































































Tecnologia do Blogger.