Amazônia Seguros

Goleiro cuiabano brilha em vitória do Santa Cruz que eliminou o Sport do Pernambucano

Foto: Defesa do goleiro cuiabano Maycon Cleiton no clássico - Reprodução Globo / Rafael Melo / Santa Cruz

Maycon Cleiton fez defesas importantes no clássico que marcou o retorno do futebol em Recife e vive grande ano com a confiança do técnico Itamar Schülle.


O Goleiro cuiabano Maycon Cleiton foi um dos destaques do Santa Cruz na tarde deste domingo (19), com defesas importantes no clássico contra o Sport, pelo retorno do Campeonato Pernambucano, na Ilha do Retiro, em Recife. Com dois gols de Pipico, o Santa venceu por 2 a 1 e desclassificou o Leão da competição estadual. Hernane Brocador marcou para o Sport, que brigará contra o rebaixamento.



Aos 21 anos e revelado pelo Santinha, Maycon vive um ano promissor em sua carreira. Ele foi promovido a titular da equipe Coral no início da temporada, ganhando a confiança do técnico Itamar Schülle. Antes da paralisação do futebol devido à pandemia de Covid-19, ele havia feito 17 jogos completos, sendo nove no Pernambucano, sete na Copa do Nordeste e dois na Copa do Brasil.


Neste 18º jogo no ano, o goleiro mato-grossense fez no mínimo quatro defesas difíceis. Quem deu mais trabalho para o arqueiro de 1,91m foi o meia argentino Jonatan Gómez, em dois chutes de frente e em uma cobrança de falta. Outro lance de exigência, foi uma falta cobrada pelo lateral-esquerdo Luciano.


“Feliz em poder ajudar minha equipe! Grupo de guerreiros! Obrigado Deus, avante Santa”, publicou Maycon Cleiton em seu perfil oficial do Instagram.


Com o triunfo, o Santa Cruz se classificou de forma invicta na liderança isolada da primeira fase do Pernambucano, com 25 pontos, oito vitórias e um empate. Foram 16 gols-pró e apenas quatro sofridos, com a defesa menos vazada da competição. Na semifinal, a equipe do técnico Itamar Schülle enfrentará o vencedor de Náutico e Central.


JOGOU NA TERRA NATAL
No dia 5 de fevereiro de 2020, na 1ª fase da Copa do Brasil, o goleiro Maycon Cleiton foi peça fundamental na classificação do Santa Cruz contra o Operário Várzea-grandense, na Arena Pantanal, diante da sua família, na terra natal. Na ocasião, com a vantagem do empate por ser visitante, o duelo sem gols garantiu o avanço da equipe pernambucana para a segunda fase.




Por: Pedro Lima / da Redação Olharesportivo/Valcir Pereira SportSinop
Tecnologia do Blogger.